quinta-feira, 31 de março de 2016

EM MOMENTO DE COMPLETA INTOLERÂNCIA, O FUTEBOL VIRA VÍTIMA DA IGNORÂNCIA

POR: JOÃO VITOR VIANA

O texto de hoje sai um pouco da esfera do futebol, embora o personagem seja um jogador do Cruzeiro. Após vencer, dentro de campo, por 1 a 0, o artilheiro do jogo, Rafael Silva, se viu, em seguida, vítima de injúria racial na Internet. Fato lamentável, diga-se de passagem.

Alias, em tempos de intolerância, seja ela política, social, sexual, temos que ver a ignorância adentrar a esfera do futebol, um dos poucos motivos que o brasileiro, historicamente, tem para se sentir feliz. Afinal, no campo se extravasa, grita, chora, ri, sente emoções ímpares. Tudo isso causado por aquilo que acontece no gramado. O show do jogador, seja pelo drible, seja pelo gol, pela comemoração. Mas isso tem perdido a graça. Aliás, o futebol tem ficado chato. Comemorar tirando a camisa virou razão para cartão, provocar jogadores, na brincadeira, virou motivo de embate e dedo na cara, o simples drible virou razão de humilhação. E agora, a comemoração virou motivo de ameaça pela Internet. Quanta intolerância!

A brincadeira faz parte do futebol. Como era legal nos tempos de Garrincha, que não vi jogar, aqueles dribles fantásticos. Como era bacana ver o Mineirão lotado, dividido na metade com 100 mil pessoas torcendo e vibrando com os jogos. Hoje temos um clássico no Independência para cerca de 20 mil pessoas e que a Polícia Militar mal dá conta de conter; um cenário político-social conturbado e uma população mais ignorante, mesmo nos tempos da informação.

Mas junto a tanta informação, as pessoas passaram a ser vítimas do mundo. Nada se pode fazer com ela e ela pode fazer tudo. Acontece isso em todos os cenários e o futebol não escapa. Rafael Silva não pode imitar uma galinha e, por causa disso, é chamado de milhões de palavras, várias de cunho racial, na Internet, território que muita gente acredita que seja local para extravasar, o que apenas ratifica a ignorância.

É de se lamentar atitudes como essa e como a população se comporta nos tempos atuais. Ela corrobora para que o futebol fique chato, para que o espetáculo perca o brilho e para que a intolerância apenas cresça. O futebol virou vítima da ignorância. E os jogadores, vítimas de ameaças por tentarem mudar um pouco a chatisse que imperou no futebol. Mas muitos não entendem... e essa intolerância, essa ignorância, em nada acrescentam ao futebol e a nenhuma outra esfera social.   

LINKS RELACIONADOS

8 comentários:

Gloria Aparecida disse...

Lamentável racismo em pleno século 21 iso q fizerao com rafael e desculpa de racista por que falo isso paulinho mc. E kleber gladiador tbm fez ai vem gente falo q o motivo e porque ele imitou uma galinha

tadjo disse...

A sociedade contemporânea está esfacelada.Não nos norteamos por valores atemporais,como a ética,a honestidade,a fraternidade,e a generosidade.Estamos nos perdendo,e perdendo o fio da vida,basta ver as coisas a que damos valor.Nosso foco é só ter e não ser,vivendo para o consumismo desbragado que visa mascarar o vazio de nosso ser!Nos distanciamos da natureza,e a agredimos de todas as formas,estamos quebrando o elo maior que nos liga ao Criador,nos esquecendo que somos parte de um universo vasto,aprisionados num pequeno e belo planeta,cujos recursos naturais sustenta toda forma de vida,inclusive a nossa.Somos a raça dominante aqui,mas nossas atitudes são tão nefastas e vergonhosas,que estamos nos sobrepondo ao animais,só lembrando que êles cumprem o papel que lhes foi designado.E nós?Somos violentos,intolerantes,sarcásticos...é só olhar as redes sociais,e vamos ver uma multidão fútil,que se deixa levar,tal qual uma boiada,pela intolerância,pela violência verbalizada e física.Hoje está na moda ”zuar“,desmerecer,achincalhar o outro.E para não dizerem aí que sou pessimista,liguem a tv,olhem os noticiários e comprovem.Vivemos hoje sob todas as formas de violência e agressão,norteados pela nossa insensatez,quando deveríamos cuidar de nós mesmos,do planeta,e das criaturas com as quais o compartilhamos,tudo isso em decorrência da falta de referência dos valores éticos e morais que perdemos la atrás!Ninguém sabe onde vamos parar...

anti frangas rosas disse...

Cadeia nesse racista vagabundo,uma pessoa dessa nao pode viver em sociedade...sou branco,namoro com uma mulher negra e tenho mt orgulho dela..somos todos contra o racismo..

anti frangas rosas disse...

Cadeia nesse racista vagabundo,uma pessoa dessa nao pode viver em sociedade...sou branco,namoro com uma mulher negra e tenho mt orgulho dela..somos todos contra o racismo..

Planck disse...

anti frangas rosas, racista você não é mas com esse nome bem que eu poderia lhe chamar de machista.

Carlos Nogueira disse...

Amigo Tadjo, sempre lucido!

anti frangas rosas disse...

Direito seu achar o q quizer,esse nome é apenas uma alusão ao mascote do outro time que por sinal ja usou rosa,nao confunda as coisas.até parece q vc ta com vontade de vestir a camisa rosa delas.ta se doendo pq?

anti frangas rosas disse...

Direito seu achar o q quizer,esse nome é apenas uma alusão ao mascote do outro time que por sinal ja usou rosa,nao confunda as coisas.até parece q vc ta com vontade de vestir a camisa rosa delas.ta se doendo pq?