quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

A VOLTA DAQUELE QUE NÃO FOI

POR: MARCÃO ANTI-FRANGA

Ele está de volta! Embora, no meu modo de ver, nunca tenha ido. Sim, Benecy voltou às atividades. Ao menos de maneira oficial. Isso porque, durante o seu afastamento, segundo o clube e por ele próprio, por motivos de saúde, ele foi visto várias vezes dentro do Cruzeiro, fazendo sabe-se lá o quê.

Para mim, é a volta daquele que nunca foi. Balela quem acredita que se afastou do clube por motivo de saúde. Saiu de foco para que a poeira abaixasse. Aliás, poeira que ele mesmo criou ao falar uma bobagem do tamanho do mundo na televisão. Não bastasse por em dúvida toda a história de um time, ainda tentou remendar o que disse, falando asneira atrás de asneira. Como o remendo saiu pior que a frase inicial, os dirigentes, para não demiti-lo, exigiram seu afastamento. Até para que o presidente e demais diretores, posteriormente, não fossem repreendidos pela história que Benecy tem com o Cruzeiro, em mais de 40 anos de trabalho.

Embora boa parte da torcida tenha "pedido a cabeça" do então supervisor - função que não exercerá mais, sendo substituído por Pedro Moreira. Segundo informou o clube, Benecy, agora, fará trabalhos administrativos no clube.

Sinceramente, a torcida não entende seu regresso ao quadro de funcionários do clube. Depois do vexame que ele deu na televisão, uma justa causa caberia muito bem a ele, como coube àquele idiota chamado Isaías Tinoco, quando às gaguejadas, falou asneira aos microfones da imprensa.

Diante de um momento instável em campo, a diretoria poderia mostrar um pouco de pulso e não ter "peninha" de quem ultrajou toda uma história. Não é porque o cara é idoso que pode falar o que falou. Completamente infeliz, deveria passar a dedicar seu tempo e sua aposentadoria à família e torcer, BEM DE LONGE, pelo time que disse torcer. Incorporar aquele que nunca saiu foi uma amostra do quão condescendente é a diretoria do Cruzeiro, que parece ter engolido o sapo que Benecy pôs à goela dela.

9 comentários:

PPM disse...

Certamente não é pena Marcão. Isso cheira a rabo preso e proteção indevida. Esse cara manchou nossa história. O mínimo que se esperava e que fosse totalmente banido do clube. A postura da diretoria foi vergonhosa e contribui para o vexame que ele começou. Não perdôo a posição da diretoria nesse caso. Por mim a torcida deveria protestar até que o Benecy fosse efetivamente afastado do clube. VERGONHA

Cruzeiro Online disse...

Assinamos embaixo

marcus dutra disse...

Mas como tem amigo que e presente do clube, ele não sai enquanto terminar o mandato do Doutor Gilvan - Velho gaga - já passou a hora de ser demitido há anos atrás.

marcus dutra disse...

Amugo presidente do clube.

Luciano Andrade disse...

Não sei o que a presença de Benecy ou não no Cruzeiro vai fazer este time jogar mais do que está jogando. Vcs estão preocupados com besteiras!

Rafael Mendes disse...

Vcs falam bobagem demais.
Declaração infeliz, nada além disso.

Rafael Mendes disse...

Exato!

4euuuu disse...

Galera entendo porque o contrato das frangas apenas parece maior

O acordo do cruzeiro com a Umbro seria para um contrato de três temporadas. Em cada ano, o time receberia R$ 6 milhões. Mas essa quantia referem-se somente ao valor que o Cruzeiro receberá por expor a marca (6 milhões livres) . Não foram contabilizados os demais gastos como confecção e distribuição de materiais. Considerados estes pontos, o valor pode ser muito maior, quase o triplo do que será contabilizado no caixa. Ou seja 18 milhões totais por ano. São 54 milhões em 3 anos e se fosse um contrato de 5 anos seria 90 milhoes.
Numero bem próximo do que foi anunciado pelas frangas que é próximo dos R$ 100 milhões em 5 anos, 20 milhões por ano entre patrocínio, venda de vestuário e fornecimento de material para a equipe principal e categorias de base. E esses números nem são confiáveis pois nos sabemos bem que as frangas costumam inflar esses números.
A imprensa Lurdinha divulgam os números totais do contrato das frangas e apenas o lucro liquido do contrato do cruzeiro para gerar essas confusões e fazer parecer que as frangas se deram melhor
O Ainda é importante é levar em conta a possibilidade de internacionalização da marca e a promessa de auxílio na contratação de atletas. Outro aspecto positivo é que, em caso de boa comercialização da linha de uniformes, o clube pode faturar um bem superior já que o percentual na receita de vendas será superior ao oferecido pela Topper e também ao que é acordado com a Penalty.

Loki disse...

Meu time, Lução, Fabiano, Bruno Rodrigo, Manoel e Sanches Mino, Lucas Romero, Gino, Pisano e Arrascaeta, Alisson e Willian, que acham? Volta GX..,