domingo, 12 de março de 2017

A PASCOA ESTÁ LONGE

Nada de jogo magistral, nada de goleada, mas aquele 1 a 0 que resolveu a parada. Mais ou menos isso simboliza o que foi o jogo entre América e Cruzeiro, na tarde deste domingo, no Independência. Com todos os titulares à disposição, Mano Menezes pôs em campo aquilo que ele acredita ser o que o time tem de melhor. E jogando para cima na primeira etapa, o time acabou construindo o placar. O gol saiu de uma penalidade sofrida por Rafael Sóbis, depois de um lateral bem cobrado por Arrascaeta. O atacante foi derrubado de forma bizarra pelo zagueiro americano, Renato Justi. O próprio Sóbis cobrou e marcou para a Raposa. O Cruzeiro era melhor no jogo, tendo três chances de marcar antes de inaugurar o placar. Em uma, Robinho não alcançou um cruzamento de Diogo. Minutos depois, Sóbis chegou atrasado em cruzamento de Thiago Neves. Outra, com Manoel, também não foi convertida. 
Atrás no marcador, o Coelho acordou somente depois dos 25min da primeira etapa, quando assutou Rafael, em cobrança de falta de Gerson Magrão. Mas foi apenas esse lance isolado que teve mais perigo na primeira parte do jogo. Nos 45 minutos finais, o Cruzeiro pôs um pouco o pé no freio, jogando no contra-ataque. Com mais espaço, o América chegou duas vezes: com Diego Renan, que Rafael espalmou; e com Hugo Almeida, também defendida pelo arqueiro celeste.
O Cruzeiro chegou aos 19 pontos, pontuação que até pode classificar uma equipe para a próxima fase. Contudo, necessitaria, ainda, de uma combinação de fatores. Caso o Cruzeiro consiga mais um empate, estará garantido entre os quatro que disputarão as semifinais. Na mente da comissão técnica celeste, no entanto, isso não basta. O Cruzeiro quer a liderança da primeira fase para ter os benefícios de jogar sempre a segunda em casa e por dois empates.

10 comentários:

diego dimi disse...

Mano paneleiro, coloca o Abila a 5 ou 10 minutos do fim do jogo, o cara tá com um ótimo aproveitamento nos jogos que entra e o Mano tá boicotando ele agr. Lucas Silva é outro que mostra bom futebol sempre que entra, e nos dois últimos jogos o mano nem o colocou pra jogar, possivelmente com receio da torcida começar a pedir a titularidade do Lucas Silva. Tá desanimado ver o time comandado por esse cara.

Cruzeiro Online disse...

Prefere Deivid? Esse início é para dar ritmo aos caras. O mais importante ainda está por vir. Vamos parar de perseguir o cara. Ano passado e 2015 estava bem pior.

Observandotudo disse...

e por acaso o lucas silva tá jogando mais que ariel cabral? este ano o gringo é o jogador mais estável do cruzeiro junto com o Rafael.

Observandotudo disse...

quanto ao abila tem razão poderia dividir o tempo com o sobis cada um correria mais sabendo que seria somente 45 minutos e preservaria os dois jogadores.

Thiago disse...

Cruzeiro invicto na temporada e mostrando uma evolução e tem gente criticando.

Anônimo disse...

Evolução?????

diego dimi disse...

Eu crítico pq estou acostumado a ver meu time se impondo, mostrando que é grande, cruzeirense não se contenta com pouco. O treinador no final do jogo disse q o time não rendeu no segundo tempo pq não tinha pé. Aí me faz as substituições aos 20, 30 quase 40 do segundo tempo.

Thiago disse...

Compara com os inícios de 2015 e 2016 e você vai perceber!!

RUTILHO disse...

Leo. Manoel. Ariel. Sobis
Rafael estao jogando muito. Abila tem que jogar. Henrique tem que comer banco.

RUTILHO disse...

SO PARA LEMBRAR. ESSE COELHO TEM UM 7 X 0 NO LOMBO. EU ESTAVA LA! ETERNO 7 X 0. SOMOS O MAIOR DE MG