sábado, 4 de março de 2017

TIME MULTIFACETADO

O Cruzeiro já foi dependente de jogadores, já teve uma tática presa a um atleta ou dois, já foi previsível. Hoje, isso não é mais uma tônica. O Cruzeiro de 2017 se assemelha muito à diversidade tática que o time tinha em 2013 e 2014. Sem comparar elenco, jogador por jogador, o Cruzeiro, assim como àquela época, é capaz de buscar o resultado criando alternativas dentro do time que está em campo. Diante da Caldense, por exemplo, se os atacantes não fechavam bem na frente, erravam na criação ou finalização, outros decidiram a partida. No caso, o volante Henrique, que foi decisivo, anotando os dois gols da partida, que deram a vitória ao time celeste. Sinal de um time multifacetado.
Em tese, a responsabilidade de um volante, de um zagueiro, dos laterais, é marcar e, depois, ajudar na frente. Ontem, destaque muito positivo ao capitão celeste, mas também ao zagueiro Manoel, que foi firme em boa parte da partida e que foi dele a primeira conclusão a gol antes do rebote convertido por Henrique. Na área adversária, o ex-jogador do Atlético-PR é uma arma importante. Aliás, a bola parada tende a ser uma referência para o Cruzeiro esse ano: tanto no escanteio como nas cobranças de falta, o Maior de Minas vai chegar com muito perigo ao gol adversário.
Nas bolas esquinadas, Sóbis, Arrascaeta e Robinho revezam as cobranças. Já nas cobranças de falta, o leque de opções aumenta, incluindo aí, Thiago Neves, Diogo Barbosa e Lucas Silva, que não deve tardar a entrar nesse time. Como Mano vem mantendo uma coerência e Ariel Cabral até o momento vem tendo até uma atuação destacada, tal substituição deve ocorrer mais adiante.
O certo é que o Cruzeiro mostra-se, cada vez mais, um time difícil de ser marcado. E, se não joga tão bem, como foi o caso da partida contra a Caldense e outras que fez esse ano, sabe como "tirar o coelho da cartola" devido às boas opções que tem em campo. A qualidade do elenco celeste, em 2017, tende a ser o maior diferencial. Esperemos os jogos grandes para confirmar essa teoria. Para 2017, quero vem quem vai segurar o Cruzeirão Cabuloso!

11 comentários:

Observandotudo disse...

Por que esta torcida para colocar Lucas Silva no time, que falta faz? se ele fosse bom de verdade emplacava na Europa; deixa o Ariel Cabral jogar em paz, o cara tem o melhor passe do time, bom de lançamentos em profundidade, ta em forma, marcando apoiando e fazendo até gol. Desse jeito é perseguição; para com isso.

Sônia de Paula Correa disse...

OBSERVANDOTUDO
Na boa, vc. acha mesmo Cabral isto tudo? Sério? ou tá de gozação?
Claro que torcemos para o mesmo time, e queremos o melhor para o Cruzeiro, mas veja:
Quantos lançamentos ele fez por exemplo no ultimo jogo?
Quantos desarmes fez?
No jogo contra o S.Francisco por exemplo , ele fez 2 lançamentos, veja bem , 2
e era um jogo treino de luxo. acho-o até que ele tem bom passe, mas não chuta a gol, marca muito mal, e como o Rural é para se fazer experiencia, porque não experimentar outro volante?
Claro que quem decide é o MM, mas se a arquibancada não gritasse, nós estariamos até hoje com o desgraçado do ALANO, no time lembra-se?
Vc. como Cruzeirense ja viu o quanto exigente é o torcedor celeste, portanto, para jogar aqui, treinar aqui, tem que passar pela torcida que realmente pega muito no pé de quem veste esta camisa , simples assim.
E nao acho que seja perseguição, Como dizia o grande Fernando Sasso, nao sei se vc. conheceu,
ele dizia, a torcida é sábia. portanto.........

F Miranda disse...

Cabral faz uma excelente transição dá defesa para o ataque. Sempre com passes verticais. Não sai do time titular, a não ser contundido.

Sônia de Paula Correa disse...

F.MIRANDA
Concordo c/ vc. somente na parte que ele não sai do time.
Na verdade, ele faz parte do grupo da pirraça do MM.
Era o Bigode, agora é Leo e Cabral.
Até nao sou contra o Cabral, apenas gostaria de ver jogando outros volantes como experiencia
Quem sabe ele realmente ´e melhor que os outros mesmo, mas por enquanto não me convence.
Marca mal, não se apresenta para finalizar, será que os outros não seria opção melhor?.
Ja que o Rural é para isso, pq. não aproveitar o tempo ?

Cruzeiro Online disse...

O Lucas começou jogando e...

Vamos com calma. Ainda não há como dizer de parâmetros

Observandotudo disse...

ótimo o blog está se reanimando.

Sena disse...

Tenho um questionamento.
Como se sente o único centro avante do time na reserva do improvisado Rafael sobis/Arrascaeta?
Tenho a impressão que o Abala não ficará até o fim do ano no cruzeiro.

Sena disse...

Abila

Sena disse...

Acho que o sobis tem que jogar próximo do gol sim,mas no campeonato mineiro recuaria o robinho,sacava o Ariel do time,e colocaria o abila de centro avante.
Embora o time venha criando várias situações de gol, falta esse matador.
E se for pra utilizar o cara 9 minutos então vende logo.

Sena disse...

Hoje foi feito duas mudanças questionáveis.
1 sai Arrascaeta entra Tiago Neves
2 sai alisson entra abila faltando nove minutos
3 poderia ter colocado o abila no lugar do alisson e mantido o Arrascaeta pois o campo de hoje não favorece o jogo do thiago Neves.

Sena disse...

Minha última observação.

O maior motivo do moreno não ter retornado ao cruzeiro e o fato do mano não conseguir montar times com centro avante as antigas.
Acredito neste time mas volto a dizer o abila não jogará este ano e há nos bastidores uma mobilização para a contratação de nilmar que Tem as características de centro avante que o mano precisa.