terça-feira, 20 de janeiro de 2015

ESTÃO TRATANDO DAGOBERTO COMO UM "QUALQUER"

POR: RAPOSO SENSATO

O atacante Dagoberto chegou ao Cruzeiro há dois anos.

Foi comprado por R$ 7 milhões.

Um dos valores mais caros pagos por um jogador.

O atleta participou ativamente de dois títulos brasileiros e um mineiro.

É o único pentacampeão brasileiro em atividade.

E merece respeito.

Por mais que ele não faça parte dos planos do time celeste em 2015, nunca desonrou a camisa.

Sempre enalteceu a torcida.

Sempre pediu apoio.

Sempre foi decisivo.

O mínimo que a diretoria deveria ter para com ele é respeito.

Ao contrário, fala em negociá-lo.

Dá prazo para vendê-lo.

Trata o jogador como um "qualquer".

Diretoria: Dagoberto é patrimônio do clube.

O jogador está na história não só do Cruzeiro, mas do futebol brasileiro.

O jogador, se está insatisfeito, que se resolva isso internamente.

Sem alarde.

Fritar o jogador como está sendo feito é uma covardia.

9 comentários:

pedro disse...

Eu também
concordo com o comentarista
o Dagoberto
não é um
jogador qualquer.

Observandotudo disse...

Concordo com o raposo muito bem colocado o dagol sempre matou o cruzeiro quando jogava em outros times; é um jogador experiente e ainda tem muito futebol pela frente; se é birrento é porque quer jogar; não goSta de ficar no banco olhando o marquinhos, julio batista, marlone e outros pés duros jogarem; todo mundo sabia que o Dagoberto tem personalidade forte, antes de contratá-lo; não podemos mudar a personalidade de um homem; é um patrimônio de cada ser humano; temos é que respeita-lo e gosto do Dagol jogando; não é mascarado e medroso como o Ricardo Goulart que foi embora; não pipoca quando joga contra as frangas de Vespasiano como o Goulart pipocou; bem vindo Dagoberto, espero que a diretoria não cometa mais essa BURRICE e reintegre você ao elenco. Se vc ficou um pouco fora de forma foi por falta de jogo, mas quem não ficou? o cruzeiro nos 03 últimos meses de 2014 se arrastou em campo; a diretoria tem que revisar o planejamento do preparo físico este ano; TROCA DE PREPARADOR FISICO ENQUANTO É TEMPO.
OBS: SEMPRE CHAMEI O GOULART DE PIPOQUEIRO E MASCARDO ENQUANTO ELE ESTAVA AQUI.

Cláudio Roncalli disse...

Muito bem, demorou alguem falar isso. É um jogador que faz parte da nossa história, como tantos que também merecem respeito. Além disso também respeitou o manto azul estrelado, sempre entrou em campo com raça e vontade, devemos trata-lo da mesma maneira.

cleiton Gama disse...

Respeito a opinião de voces mas sinceramente Dagoberto não vem brigando pela titularidade e hoje com as contratações que o Cruzeiro fez hoje ele é reserva do reserva no time.Recebe um salario alto e foi colocado publicamente no mercado e ninguem quis.Se o cruzeiro não quer mais contar com o cara rescinde logo o contrato e acabou.Na minha opinião ele não se encaixa mais no padrão de jogo do cruzeiro o MO ja percebeu isso e pouco tem utilizado ele nos jogos no final do ano passado.

Luz Henrique disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cruzeiro Online disse...

Obrigado pelos comentários e elogios.

Cleiton, mesmo que ele não se adeque, a forma como a direção do Cruzeiro vem conduzindo a saída dele, no nosso modo de ver, é desrespeitoso.

Até pelo currículo dele e o que ele ajudou a gente a ganhar, merecia uma saída pela porta da frente.

Nodge .Castro disse...

Custo/beneficio. Como qualquer mercadoria. Simples assim!

Marco Castilho disse...

Também acho um absurdo, uma total falta de respeito. Dagoberto é um dos jogadores mais técnicos do time e ver alguns pernetas jogando em seu lugar é revoltante. Marcelo Oliveira não gosta do jogador porque ele se revoltou de ficar na reserva. Ele queria o quê? Que o jogador se conformasse vendo os pernas de pau jogando em seu lugar? Está faltando liderança ao Marcelo. Levir Culpi está aceitando Jô e outros 02 jogadores que cometeram fortes indisciplinas, mas essa é a função de um líder e não a de querer mostrar autoridade a qualquer custo. Sugiro ao Marcelo assistir alguns seminários em Gestão de Pessoas, talvez ele abra um pouco mais sua cabecinha um tanto retrógrada.

mery greice disse...

Concordo com tudo Marcos Castilho.Para min o Dagolberto é um ótimo jogador sempre fez muito pelo cruzeiro, vestiu a camisa.
Quando ele entrava no inicio do jogo ele arrasava nas partidas, mas depois o Marcelo começou deixa-lo na reserva e começou coloca-lo para jogar quase no final do jogo, O TIME JÁ NÃO ESTA RENDENDO MUITO AI COLOCA O DAGOL e quer que ele salva a patria,ele entra já desmotivado acaba não fazendo nada.O Dagol tem que entrar no início da partida para mostrar sua raça, pois SEM DAGOL, NÃO HÁ GOOOOOOOOOOOOOOOOOLLLLLLLLLLLLLLL.