quinta-feira, 15 de janeiro de 2015

TODA PROVOCAÇÃO É VÁLIDA, NÃO SENDO OFENSIVA NEM AGRESSIVA

POR: RAPOSO SENSATO

O futebol tem ficado chato.

Assim como ações típicas do dia a dia, dentro de campo parece que ninguém pode fazer nada.

Na vida cotidiana gestos e falas parecem proibidos.

Qualquer dia não poderemos fazer nada.

O mesmo acontece no futebol.

Dribles, provocações, tudo é motivo de desmoralização e falta de respeito.

Nada a ver.

Ontem, na apresentação do Cruzeiro, torcedores pediram para Leandro Damião fazer um "6" com as mãos.

Não duvido que vai ter jornalista falando que foi um gesto desnecessário.

Não duvido que torcedores atleticanos falem que foi falta de respeito.

Não duvido que vão voltar com aquela ladainha de 9 a 2, quando o futebol nem profissional era e quem ninguém tem o menor registro do fato.

Pessoal, provocação faz parte da história do futebol e da rivalidade.

Vamos deixar esse negócio de falta de respeito de lado e esses "não me toques" também.

Lógico, dentro de uma razoabilidade, a gozação pode existir.

O que não pode é transpor esse limite, como fazem vários "torcedores", que até da violência usam.

Futebol sempre foi uma diversão, não uma guerra.

Cabe aos jornalistas também olharem por esse lado e deixarem a paixão de lado.

Seja cruzeirense, atleticano ou americano, o que importa é a rivalidade saudável, a gozação após algum fato.

Não sejamos agressivos.

Não sejamos violentos.

Não sejamos ignorantes.

Vamos ser tão somente torcedores.

O que é um "6" com as mãos?

Nada.

Mera provocação.

Como seria se Damião usasse a camisa 61 no primeiro clássico do ano.

Já fiquei sabendo que querem dar a camisa 92 ao Prattos.

Então, que a rivalidade sadia se faça.

Sem violência.

3 comentários:

Rafael disse...

A melhor forma de se debater o "suposto" 9 a 2 para o Atlético, seria enfatizar os 14 a 3 para o Cruzeiro. Simples assim. Isso os deixaria desestabilizados.

Wellington Luis disse...

CARA ELES FALAM TANTO DESSE 9 A 2 POR FAVOR ME MOSTRE PELO MENOS UM GOL DESSE JOGO PORQUE DO 6 A 1 EU MOSTRO.

¶Azul•H(«MG»)¶® disse...

Pra torcedor tudo bem,fica chato!Tem site e órgão da imprensa que estimulam esse tipo de ação,mas undo o pau quebra,dão uma de santinha,que é contra a violência,etc... O Correto,seria agir como poucos sites o fazem,não admitem esse tipo de "ofensa".Não é Lurdinha de Vespasiano? Não é emissora defensora do Gaylo,cujo finado dono era uma bichona.