terça-feira, 31 de março de 2015

VENDERAM O MANDO DE CAMPO!

POR: MARCÃO ANTI-GALO

A diretoria está pensando "nas verdinhas". Assim como em 1974, quando o Cruzeiro, de forma imoral, vendeu o mando de campo na final do Brasileiro para o Vasco, o que foi um verdadeiro absurdo, dessa vez a Raposa volta a fazer o mesmo. Por causa de uma diferença de R$ 300 mil, preferiu inverter o mando de campo com o Corinthians. Venderam o mando de campo! Antes marcado para o Mané Garrincha, em Brasília, onde o Cruzeiro tem um grande número de torcedores, agora o jogo será em Cuiabá, onde sabe-se que é um reduto corintiano ou, ao menos, terá mais torcedores do clube paulista que do mineiro.

É vergonhoso como o dinheiro fala mais alto e a diretoria não pensa na torcida. Só pensa no dinheiro, que aliás, vem perdendo devido ao fraco desempenho do Marketing do Cruzeiro em atrair investidores e patrocinadores. Aliás, no Cruzeiro só aparecem oportunistas, que querem por jogador, lucrar e o clube que se dane.

Jogar na Arena Pantanal é o cúmulo! Eu mesmo estava pensando em pegar um avião e ver o Cruzeiro na capital federal. Seria até uma forma de rever amigos e desfrutar daquela cidade, onde o trânsito é bom, bem diferente do de Belo Horizonte, que beira o caos. Ainda bem que não comprei passagem com antecedência, pois daria com os "burros n'água".

Perde o Cruzeiro em visibilidade, em torcida e, quiçá, em pontos. Se o Cruzeiro perder na estreia e esses três pontos fizerem diferença lá na frente, creditem à diretoria o fracasso no Brasileiro. Pensa pequeno, não consulta o torcedor, que aliás, só se lasca.

Como já foi falado aqui, ir ao Mineirão é uma lástima: nos tratam muito mal, querem só o nosso dinheiro, querem o nosso apoio e depois nos expulsam. Dessa vez, indo para Cuiabá, de antemão já expulsaram oi torcedor. Não que não haja torcedor do Cruzeiro por lá. Temos oito milhões espalhados pelo mundo. Mas sair de um reduto celeste para ir para um "chiqueiro" corintiano beira o ridículo. Diretoria, quanta imbecilidade!


3 comentários:

Observandotudo disse...

CONCORDO EM GENERO, NUMERO E GRAU; PEDEMOS UM BRASILEIRÃO PARA O VASCO COM UM GOL DE MÃO DO JORGINHO CARVOEIRO, PODE?

Geraldo Valtecir disse...

não vejo problema tirar proveito da situação já q os vandalos atrapalharam o time. O q precisamos é coantratar jogadores estes ai é uma vergonha

RUTILHO disse...

Chega de falar em meia. Gabriel Arrascaeta vão resolver.