quarta-feira, 4 de março de 2015

QUE JOGO VOCÊ VIU?

POR: JOÃO VITOR VIANA

Logo após o jogo fiz um post sobre a minha leitura do jogo entre Cruzeiro e Huracán. Eu e amigos que viram comigo vimos um jogo. Pelo rádio, ouvi comentários completamente diferentes daquilo que assisti. E até por isso quero perguntar aos senhores e senhoras que acessam o BLOG SITE para fazer uma análise do jogo. Qual você viu? O que Marquinhos foi um dos piores em campo ou o que ele é titular absoluto da meia-direita? O jogo que Marcelo errou desde a escalação ou o jogo que Marcelo, sobriamente, analisou? 

Bom, eu vi um jogo ruim, de excessos de erros e falta de criatividade. Vi uma partida aquém do que o Cruzeiro pode e deve mostrar e vi 27 mil pessoas descrentes em um time que tem tudo para embalar, mas em jogos decisivos não emplaca. 

O jogo que vi foi basicamente um: levantar bola na área. Como se no basquete os atletas tentassem tão somente arremessos de três pontos, sem sucesso, e continuassem insistindo. Mas até no basquete há a possibilidade de fazer dois pontos ou um ponto (lance livre). Mas o Cruzeiro não tentou outra alternativa. Não cavou falta, não criou jogada que poderia resultar em pênalti, chutou somente no segundo tempo de fora da área. Foi muito pouco para um time tão grande e tão temido.

O jogo que vi não foi o jogo do "mesmo jogando mal poderia ter vencido". Poderia ter perdido também. Ou o comentarista do rádio não viu dois chutes perigosos do Huracán no segundo tempo? Estava no banheiro, sentado? Estava comendo, enchendo o "pandu" e perdeu o lance? Vamos comentar seriamente!

Não estou aqui para criar discórdia, mas tão somente para analisar o jogo e o que poderia ter acontecido. Comentarista do acontecido? Tudo bem. Que seja. Mas o Cruzeiro não poderia se dar ao luxo de ter um banco tão sem sentido, um meio-campo tão pouco criativo e não sair de um esquema engessado criado para atletas como Ricardo Goulart, Everton Ribeiro, Marcelo Moreno, Lucas Silva e Egídio que, infelizmente, não temos mais. Não seria melhor pensar em um esquema aproveitando melhor a qualidade dos nossos jogadores?

Que tal por o Judivan como segundo atacante, como ele jogava na base? Por que não por Alisson armando o time, vindo de trás? Por que não deslocar o De Arrascaeta para a esquerda se no meio ele está rendendo bem abaixo do que pode? Será pedir demais que os atletas atuem em suas posições e assim produzam mais em campo e ajudem mais o time? Acho que não.

O Cruzeiro jogou mal, pecou muito e desperdiçou uma chance incrível de ser líder. Terá, agora, que vencer o Mineros, na Venezuela. Como disse no post anterior, terá que melhorar muito para vencer lá. E olha que o Mineros é um dos piores times dessa Libertadores. Espero que já diante dos nossos rivais, no domingo, no Mineirão, vejamos uma reação e uma disposição tática diferente. Caso contrário, bom... deixa para lá.

4 comentários:

gab gg disse...

No mineiro é pontos corridos mais contra o atletico vc sabe q n é apenas pontos e sim um mata mata , bom espero q o cruzeiro erre mt para aprender com os erros e quando valer um titulo ou jogos decisivos estude melhor o adversario e acerte os passes, forçando bola no chao e n lançamentos .

cleiton Gama disse...

Ai eu te pergunto só o Marquinhos jogou mal?Por que se uma pessoa ler esse post e o de cima vai achar que devem crucificar o Marquinhos que por causa exclusivamente dele o time não venceu o jogo.Vai dizer que o Arrascaeta jogou bem?ele ta deixando um buraco no nosso meio campo,vendo o mena jogar eu sinto falto do Egidio, Wiliam so corre para os lados.Eu não estou aqui defendendo o Marquinhos ele jogou mal é um jogador limitadissimo não é jogador para ser titular do cruzeiro, mas num jogo como esse só criticar a atuação Marquinhos.A UNICA POSTAGEM QUE EU LI E QUE FOI PERFEITO EM SUA ANALISE DO JOGO FOI A DO JOÃO VITOR VIANA.

gab gg disse...

No 1 tempo o marquinhos jogou bem mais no 2 tempo ele n estava bem e ali poderia ter entrado o judivan mais o tecnico errou.

Igor Silva disse...

A galera sei lá !!! O MARQUINHOS passa a ser ruim quando inventa demais quando joga arroz com feijao ele e o cara do meio pra frente o cara volta marca bem corre dois tempo ele peca na confiança de mais prefiro do q WILLIA*