sexta-feira, 22 de maio de 2015

UM PEQUENO PASSO PARA O HOMEM, UM GRANDE PASSO PARA UMA NAÇÃO

POR: RAPOSO SENSATO

Em 1969, na Lua, Neil Armstrong já dizia:

"Este é um pequeno passo para [um] homem, um salto gigantesco para a humanidade".

Diante do River Plate, em Buenos Aires, parafraseando-o, eu digo:

"Um pequeno passo para o homem, um grande passo para uma Nação".

Falo isso porque conseguimos um triunfo espetacular.

Porém, não podemos deixar nos enganar e achar que estar tudo ganho.

Quarta-feira, no Mineirão, devemos jogar com afinco, para ampliar ainda mais essa vantagem.

O gol de Marquinhos no segundo tempo deu um banho de água fria no time do River.

Mas se aqui chegam e fazem o gol primeiro, tudo se iguala.

É importantíssimo que a Nação Azul Cinco Estrelas saiba que, embora para ela tenha sido um passo imenso

Para o time foi apenas um passo.

E até por isso, vamos lotar aquele estádio na quarta-feira.

50, 60 mil vozes juntos.

Para levar esse time à semifinais da Libertadores.

8 comentários:

Arnaldo Augusto Campos disse...

Cadê os Cruzeirenses secadores, que só sabem criticar o time, ainda acham que não temos condições de ser campeões?

ZEEEEEEEEROOOOOOOOOOOOOOOO

Acredito nesse time, vamos ser CAMPEÃO CRUZEIRO.

Marcelo cr disse...

Pior é criticar o Marcelo Oliveira, que depois dessa diretoria sem vergonha, ridícula, vender todo mundo e trazer um bando de bosta, com exceção de 3 jogadores, consegue fazer o Cruzeiro ter reais chances de chegar as semi-finais da libertadores.

Shisui disse...

So nao pode é ir para o mineirao na retranca achando que 1x0 garante a classificação, pq o Cruzeiro nao sabe jogar na defesa, tem continuar assim com garra, defendendo bem sem esquecer de atacar, marcando sobre pressão e saindo nos contra ataques rapidos. Pq se fizer isso dificilmente alguem tira o titulo da gente, agora se entrar em campo na retranca igual fez contra os Pateticos leva gol. Avante Cruzeiro que essa Libertadores é nossa.

cruzeirotetra disse...

Não somos secadores de nosso propio time.somos sim pés no chão,conscientes de nossas limitaçoes.o "eu acredito" pertence ao lado rosa da Lagoa.vencemos 90 minutos de uma guerra que dura 180.ainda temos o jogo no Mineirão,mais 180 minutos de uma eventual semifinal,mais 180 de uma eventual final,aí sim se tudo correr bem a certeza do título será nosso.vamo com calma e humildade fora de campo.raça e determinação dentro de campo.

RUTILHO disse...

Ontem o time provou que sabe jogar marcando sem se retrancar. Aqui será da mesma forma. Não tem como dar errado. E outra, os resultados das outras partidas mostram que não está tão difícil essa conquista.

Luciano Andrade disse...

Sem essa!!!Não tem secador aqui! Tem exigência! Eu sou cruzeirense e exigente! Quem não exige é atleticano! Temos dinheiro!!! Se nao contratar Mancuello ou Paulinho vamos jogar marmitas no Gilvan novamente e quebrar o pau na porta da sede e da Toca!

Cruzeiro Online disse...

Arnaldo, o negócio não é secar o próprio time.Dependendo do andar da carruagem muita gente deixa de acreditar, pois as coisas não fluem. Mas vou te falar, as coisas começaram a dar tão certo (principalmente com a lesão de W.Farias) que repensei meus conceitos.

Marcelo, críticas fazem parte. Não podemos ser radicais nem pra lá nem pra cá. Se a partir de agora tivermos um padrão de jogo, jogarmos com o coração, todos vão apoiar.

Shisui, exato.

Cruzeirotetra, exato.

Rutilho, temos que encarar aqui como se precisássemos vencer. Já fomos surpreendidos aqui até em final. Melhor ficarmos atentos.

Luciano, sem violência, por favor. Aqui não admitimos isso.

RUTILHO disse...

Entenda: jogar da mesma forma significa time com pegada, reduzir espaços, focado como ontem. Vai ser dessa forma no jogo da volta porque agora treinador e jogadores estão falando a mesma lingua.